Notícias

PACT presente na apresentação do Living Lab ISCTE, no âmbito do projeto SYNCLUSIVE

29 Janeiro 2024

No passado dia 25 de janeiro, e no âmbito do projeto SYNCLUSIVE, o PACT participou na apresentação do Living Lab Iscte – um espaço físico instalado no AUDAX – Centro de Inovação e Empreendedorismo do Instituto Universitário de Lisboa (Iscte) que irá receber jovens desempregados para processos de capacitação e mentoria de forma a estimular a sua inclusão no mercado de trabalho.

O SYNCLUSIVE, projeto de investigação e inovação que testa e estuda uma abordagem de sistemas inovadora, integral e interdisciplinar para estimular a inclusão de grupos vulneráveis no mercado de trabalho, compreende a criação de 4 Living Labs – Portugal, Bulgária, Países Baixos e Finlândia, os quais apresentam diferentes públicos-alvo, com o laboratório nacional a incidir a sua ação em jovens desempregados com idades compreendidas entre os 15 e os 29 anos e diversos níveis de qualificação.

O laboratório português contempla espaços físicos, bem como a criação de plataforma digital (living lab digital) com a funcionalidade de centralizar cursos, workshops e outros recursos, e é desenvolvido pelo ISCTE, Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP), PACT, Rede do Empresário, Câmara Municipal Lagoa e TermCerto.

Este evento proporcionou a oportunidade de reunir os diversos parceiros responsáveis pelo Living Lab nacional, bem como outros parceiros institucionais, e facilitar a discussão acerca do plano de ação integrado a implementar de forma a potenciar resultados. O PACT será ativamente responsável pelo desenvolvimento de ações de valor acrescentado para a região no âmbito do laboratório, com a perspetiva de contribuir também para o desenvolvimento e fixação de talento.

O programa incluiu ainda a visita às novas infraestruturas de investigação e transferência de conhecimento do CVTT – Centro de Valorização e Transferência de Tecnologias. Este centro, cofinanciado pelo Programa Operacional Regional de Lisboa e Vale do Tejo, no âmbito do Portugal 2020, assenta na combinação de duas áreas de referência de investigação no Iscte, as ciências sociais e humanas e as tecnologias digitais, com o objetivo de fornecer soluções integradas de transferência de conhecimento sobre a sociedade, as organizações, as empresas e a administração pública.