DIA AEROESPACIAL em ÉVORA | 27ABRIL

No dia 27 de abril, realizou-se no auditório do Parque do Alentejo de Ciência e Tecnologia (PACT), organizado pela Universidade de Évora (UE) e o PACT, um evento no âmbito da temática da Tecnologia Aeroespacial. Com o objetivo de anunciar o Investigador Titular da Cátedra em Ciência e Tecnologia Aeroespacial (Cátedra promovida pela UE, Centro de Excelência para a Inovação da Indústria Automóvel e Fundação da Ciência e Tecnologia), contou com a participação da Magnífica Reitora da Universidade de Évora, Professora Doutora Ana Costa Freitas, e com dois painéis de oradores representantes de entidades relacionadas com o setor aeronáutico.

Como convidados estiveram presentes, o Prof. Doutor Manuel Pereira dos Santos (UE e presidente do júri da cátedra), Dra. Helena Pereira (vice-presidente da FCT),  Dr. João Mateus (membro da direção executiva do CEiiA), Dr. Carlos Mota Soares (IST) , Prof. Doutor Paulo Quaresma (Univ. Évora), Prof. Doutor  Pedro Camanho (FEUP), Dr. Timom Rabczuk (Univ. Weimar), Dr. Damian Rivas (Univ. Sevilha), Dr. José Montañés (Univ. Politécnica Madrid), Dr. Manuel Freitas (Univ. Atlântica), Prof. Doutor Pedro Dominguinhos (IP Setúbal), Engº Paulo Marchioto (Embraer), Christian Santos (Mecachrome), Prof. Doutor Rui Melício (UE).

Atualmente, o setor da aeronáutica tem ganho um papel de destaque e Évora tem sido palco na promoção da criação e desenvolvimento de um cluster, sendo a dinamização da nova cátedra pela EU mais um passo na consolidação do cluster aeronáutico no Alentejo. Nas palavras dos oradores convidados é importante o estímulo da cooperação entre todas as entidades de forma a promover o desenvolvimento de novas tecnologias e a transferência de conhecimento no quadro do Sistema Regional de Transferência de Tecnologia. Em simultâneo foi destacado o desafio passa pela captação e fixação de recursos humanos, contribuindo a nova cátedra para a promoção de emprego científico e qualificado na região. Assim, a investigação aplicada dentro dos centros de saber facilita a formação avançada dos estudantes e permite a especialização e preparação para a entrada no mercado das grandes empresas do setor. Por fim foi evidenciado  que a nova Cátedra terá como missão fundamental ser mais um fator diferenciador no apoio ao desenvolvimento da região Alentejo.
 

0 replies

Leave a Reply

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *